susannapets

pets and food!

Cão de Pastor: Old English Sheepdog(OES), Bobtail – Standard

O Old English shpeedog(OES), uma raça que pertence ao Grupo 1.

Ao longo da história o nome da raça, terá sofrido algumas variações como: Dorset, Oxfordshire, Berkshire, Sheep Dog, Bobtailed, Bobtail, Sheepdog, English Sheepdog, Sussex Sheepdog, dulux dog, pelo menos. O nome mais correto será Old English Sheepdog(OES). Embora o nome Bobtail, tenha tido sempre bastante usual no resto da Europa. Hoje com a alteração no estalão da raça e, além disso muito raramente nasce um cão sem cauda, o nome torna-se um pouco sem sentido.

Photograph taken at East Compton in 1902 (left to right) Lady Heartsease, Greencroft Model, Sir James, The Gentleman, Bouncing Lass. (Bouncing Lass, along with Dolly Gray was considered by Arthur Tilley to be one of his greatest – see text for her wins. She was bought for £200 and sold to America for 5,000 dollars).

Os Criadores e historiadores apontam a existência desta raça ao século XIX, na função de pastor e condução dos rebanhos até ao mercado de gado no sudoeste de Inglaterra.
Os seus antecessores existiram na Escócia por séculos como cães de trabalho guardando e conduzindo gado. Ao serem cães de trabalho, não terá havido a necessidade de documentar detalhes específicos como um pedigrees ou registos no kennel club do OES. Alguns historiadores da área da cinofilia, acreditam que os antecessores do OES, poderiam ser descendentes da raça Russian Owtcharka., trazidos possivelmente nas embarcações do Báltico. E outras raças como os Bearded Collie, estão também referenciados como seus antecessores.
Existem ainda referências a esta raça pelo Duke of Buccleuch, nos quadros de Gainsborough. Ao verificar-se a raça já existia pelo ano de 1771, data do quadro. No entanto, nem todos criadores concordam que seja um registo de OES.
O que se sabe é que os cães pastores, de uma forma geral, foram possivelmente os primeiros cães a surgir, havendo mesmo referência a eles na Bíblia; na proteção e condução de gado.


http://www.gis.net/~shepdog/BC_Museum/Permanent/OldEnglishSheepdog/OldEnglishSheepdog.html
O primeiro registo da raça, no registo no English Kennel Book, foi em 1877, de dois exemplares, como “Sheepdog, short-tailed English”. O primeiro registo no American Stud Book, foi em 1886 como “sheepdog, English Old fashioned Bob-tailed”
A raça OES terá sido reconhecida oficialmente apenas em 1888, data do seu primeiro standard oficial, embora já tenha havido sido criada uma classe especial para esta raça na Exposição de Birmingham em 1873.
Um dos pioneiros terá sido o Dr. George Macgill, – também ele criador e especialista na raça e juiz de formação.

Ch. Sensation of Shepton, considered by Florence to be the greatest dog she has owned.

Seguiram-se Crufts, um dos melhores eventos, pelo ano 1891.
O primeiro livro sobre os OES, foi lançado em 1905; pelo autor Aubrey Hopwood

Existiram outros impulsionadores de grande importância para os OES, um desses nomes surge o Dr. Edward-ker; o grande impulsionador para a cor cinza (única cor admitida no estalão). Ainda temos referência aos irmãos Tilley, fundadores do primeiro Clube da Raça em Inglaterra, para além disso ainda introduziram a raça nos Estados Unidos e respetivo Clube. Em todas as raças existem grandes Senhores, sem eles e sem as suas intervenções, estas raças estariam possivelmente extintas.


Below is an illustration (and caption) from The Old English Sheep Dog, by Henry Arthur Tilley, Revised Edition 1937
Champion “Elkington Squire”

As his name appears in so many of the present-day pedigrees, it may interest readers to see a photograph of him. This unfortunately does not do him justice as he was out of coat; it shows him with a dark coat, whereas he was a beautiful blue grizzle. Still, it does reveal many of his good points, e.g. spring of ribs, shortness of back, length of neck, beautiful hocks, and length from hip to hock; but far more important was his grand character and strong constitution–which features were transmitted to his offspring

No século XX esta raça passa a ocupar um papel importante como cão de companhia. As qualidades como a sua beleza, inteligência e um excelente temperamento contribuíram para a sua preservação após o desaparecimento dos mercado de gado, no entanto, não perdeu os seus instintos de Cão Pastor.

A Segunda Guerra Mundial, veio abalar toda canicultura Britânica e não só, ainda assim a raça foi preservada.
Um dos exemplares que ficou para a história da raça reconhecida pelos criadores e juízes da raça, como o melhor exemplar de sempre foi Ch. Barnolby Wendy Bruin, seguem-se outros.

Eu diria que esta raça é por excelência o cão família. Pelas características de temperamento.

O seu aspeto Geral, caracteriza-se por um animal com expressão inteligente, o corpo é compacto, robusto, simétrico e harmonioso, jamais é um cão com aspeto pernalta. Está completamente coberto por pêlo espesso e denso, a sua forma estrutura natural não deverá ser alterada recorrendo à tosquia ou corte de tesoura.
A proporção pode dizer-se que o OES inscreve-se dentro de um quadrado; de perfil ele tem a mesma medida no comprimento como na altura. O corpo é em formato de pêra, quando visto de cima para baixo, a zona dos rins é mais alta que o garrote. A sua cabeça é quadrada e quadrada, com stop pronunciado e olhos afastados. Tem um ladrar muito típico e um andar ambling, ao observar o OES, podemos ver um andar “rebolado”.

Temperamento:
É leal e confiável, não é um cão nervoso ou agressivo quando não provocado. Os donos nunca se devem iludir e descuidar a socialização, educação e a obediência, apesar do seu carácter amistoso.
Um traço comum num OES é mesmo o seu sentido de humor, que parece ter.

O estalão específicos da raça, podem consultar, nos primeiros links, que são extremamente completos e explicativos.

http://www.ankc.org.au/_uploads/docs/214254OES_BSE_amen12.pdf (Estalão da Raça OES]
http://www.sealords-oes.com/PagPort/raca.htm [Estalão da raça OES, em Português]
http://www.sealords-oes.com/PagPort/ [O melhor artigo, que encontrei em português e não só, mais explicito e bastante informativo]
http://www.manrose.ch/lang2/history.html
http://www.shepherdswithbeardies.com/History/Timeline/1700-1849/1770/gainsborough1.htm
http://dogsfiles.com/index.php?ind=dogsbase&breed=57&op=view&did=7906&nlang=en
http://www.dogbreedinfo.com/oldenglishsheepdog.htm
http://www.eurobreeder.com/breeds/old_english_sheepdog.html
http://www.oldenglishsheepdogclubofamerica.org/breed_info/history.php
http://www.the-kennel-club.org.uk/services/public/breed/standard.aspx?id=5133

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

Information

This entry was posted on 12 de Abril de 2013 by in Breeds, raça pura and tagged , , .

Navegação

Top de classificação

Top de Cliques

  • Nenhum